• Expressões Regionais ? Bahia e suas expressões, aqui é terra que se come água!

    viajar pelo interior é resatar expressões que parecem já ter saído do mapa, mas que continuam lá, firmes & fortes. por exemplo: comer áua. que vem a ser: consumir bebida alcoólica sem nenhuma moderação. na bahia, ninuém bebe. quero dizer, baiano não fala beber. porque, na bahia, beber é comer áua. só mesmo um povo irreverente e inventivo como o baiano para dizer que beber é comer. e comer áua, ainda por cima! só que é a áua que parinho não bebe e o...

    Clique aqui para continuar lendo.
Corujão da Poesia na Letras&Expressões do Leblon
Todas as terças-feiras, poetas, escritores e amantes da literatura têm um encontro marcado para leitura e declamação de poesias. o encontro começa a partir das 21 h, no restaurante pronto, em seuida por volta das 24h30, quem resistir, poderá dar continuidade à proramação na livraria letras&expressões, com a tradicional viília até as 5 e meia da manhã. corujinha da poesia e corujão da poesia - universo da leitura terça-feira, das 21h. à meia-noite, corujinha da poesia

Nossa lingua, nossas expressões
O rio rande, a querência matriz de todos os aúchos espalhados pelo mundo, tem na sua linuaem, expressões que são desconhecidas ou então mal compreendidas nos outros rincões de nossa terra brasilis. para ajudar um pouco quem não convive com nossos dialóos baudos, preparamos esta coletânea de textos baseados em palavras e fonéticas específicas de nossa rande querência amada.  o dialeto aúcho é um dialeto do portuuês falado no rio rande do sul, e em parte do paraná

Corujão da Poesia na Letras&Expressões do Leblon
Todas as terças-feiras, poetas, escritores e amantes da literatura têm um encontro marcado para leitura e declamação de poesias. o encontro começa a partir das 21 h, no restaurante pronto, em seuida por volta das 24h30, quem resistir, poderá dar continuidade à proramação na livraria letras&expressões, com a tradicional viília até as 5 e meia da manhã. corujinha da poesia e corujão da poesia - universo da leitura terça-feira, das 21h. à meia-noite, corujinha da poesia

Nossa lingua, nossas expressões
O rio rande, a querência matriz de todos os aúchos espalhados pelo mundo, tem na sua linuaem, expressões que são desconhecidas ou então mal compreendidas nos outros rincões de nossa terra brasilis. para ajudar um pouco quem não convive com nossos dialóos baudos, preparamos esta coletânea de textos baseados em palavras e fonéticas específicas de nossa rande querência amada.  o dialeto aúcho é um dialeto do portuuês falado no rio rande do sul, e em parte do paraná